sexta-feira, 15 de junho de 2012

Convenção Coletiva e Audiência Pública no Senado Federal

Está sendo divulgado no setor de motofrete uma convenção coletiva que não é a assinada pelo SindimotoSP e o Sedersp / Nova Diretoria, autênticos sindicatos laboral e patronal, respectivamente, que representam, de fato, o motofrete em São Paulo.

A verdadeira Convenção Coletiva que serve como base para os reajustes salariais da categoria é a nossa e que já está no Mediador, tendo assim efeito legal, já que tem a homologação do Ministério do Trabalho. Em breve, ela estará em nosso site e no sindicato.

Para adiantar, passamos o índice de reajuste para a CCT 2012/2013, que foi de 7,666% e os novos valores que são:

Piso mínimo: R$ 900,00
Hora Ponto: R$ 6,52
Vale Refeição: R$ 9,50
Cesta básica: R$ 50,00
Aluguel da moto: R$ 451,25

Empresário, você sabe que somos o sindicato que representa o motofrete e ainda por cima, conhece nosso trabalho e dedicação quanto às melhorias da categoria como um todo.
Com a Regulamentação, todos ganham.

Aproveito para informar que, no próximo dia 29 de maio, o SindimotoSP estará em Brasília para à Audiência Pública que abordará temas relativos à segurança no trânsito.

Nós somos o sindicato de São Paulo que foi convidado e que representará os motofretistas de pelo trabalho que realiza há anos. Veja abaixo o ofício enviado diretamente do Senado Federal, a data que foi emitido e o nome de quem consta no documento oficial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário